© 2015 por Spitalex. Criado com Wix.com

  • Wix Facebook page
  • YouTube clássico
  • Slideshare.jpeg
  • LinkedIn App Ícone
Please reload

Posts Mais Acessados

Viroses: Tire 12 Dúvidas sobre Doencas Causadas por Vírus

 Entrevista ao Portal Terra

 

Virose é uma doença causada por vírus e esse diagnóstico normalmente se refere a uma infecção viral aguda, como as que causam diarreia e resfriado comum.

 

Quem nunca recebeu um diagnóstico de “virose”? 

 

Provavelmente, assim como muitos, já reclamou de ser uma constatação simplista do médico, não é verdade? Mas, que fique claro, na maioria dos casos, exames mais específicos realmente não são necessários. Tire 12 dúvidas sobre o assunto, com explicações da infectologista Daniela Lamas, do Hospital Leforte, e do infectologista Alexandre Naime Barbosa, professor da Faculdade de Medicina da Universidade Estadual Paulista (Unesp)/Botucatu:

 

1 – O que é virose? 

 

Em termos científicos, virose se refere a qualquer doença causada por vírus, seja ela simples e passageira, como um resfriado, ou grave e crônica, como a Aids ou a hepatite C. “Em termos práticos, quando o médico dá um diagnóstico de ‘virose’, está se referindo a uma provável infecção viral aguda, como as que causam diarreia ou mesmo resfriado, e cujo diagnóstico específico, ou seja, o isolamento e identificação do vírus não se faz necessário em todos os casos devido à dificuldade e preço dos métodos laboratoriais frente à provável evolução benigna e sem complicações do quadro”, explicou o infectologista Barbosa.

 

2 – Então, gripe, dengue , catapora, por exemplo, são viroses? 

 

Sim, todas essas doenças são causadas por vírus e podem ser mais ou menos graves, dependendo principalmente da resposta imune do paciente.

 

3 – Quais tipos de viroses são mais comuns? 

 

As síndromes que mais comumente são denominadas no diagnóstico como “viroses” são as diarreias agudas (gastroenterocolite aguda ou Geca) e as infecções de vias aéreas superiores (IVAS ou resfriado), como informou o infectologista Barbosa. Os agentes virais mais comuns de diarreia são enterovírus, adenovírus, astrovírus, rotavírus e norovírus; e os associados às infecções de vias aéreas superiores são rinovírus, coronavírus, vírus sincicial respiratório e parainfluenza. Algumas viroses intestinais podem ser transmitidos por via respiratória, e mesmo iniciar os sintomas como se fosse um resfriado, como acontece na infecção pelos enterovírus, explica o prof. Alexandre.

 

4 – Como é feito o diagnóstico de virose? 

 

O diagnóstico é feito por meio dos sintomas e sinais detectados no exame físico durante a consulta, como informou o infectologista Barbosa. “Existem exames para detectar influenza, vírus sincicial respiratório, citomegalovírus, dengue, chikungunya, ebola”, completou a infectologista Daniela.

 

5 – Muitas pessoas reclamam de diagnósticos de virose, dizendo que são muito simplistas, sem aprofundamento. No hospital, não é possível realizar exames que indiquem qual vírus está em ação quando a pessoa está com virose? Isso não é necessário? 

 

“Depende muito do caso. Quando falamos em doenças respiratórias, como influenza, podemos fazer os exames, mas não alterará o tratamento. As viroses gastrointestinais normalmente não têm exames específicos. O exame é necessário quando há suspeita de dengue, chikungunya, febre amarela, ebola”, explicou a infectologista Daniela. “Na maioria das vezes, quando se exclui a possibilidade de um diagnóstico mais complexo e potencialmente grave, a abordagem dos sintomas do quadro basta para se estabelecer o diagnóstico e o tratamento sintomático da grande maioria das gastroenterocolites agudas ou infecções de vias aéreas superiores, que têm evolução benigna”, completou Barbosa.

 

6 – Quais são os sintomas mais comuns das viroses? 

 

No caso das gastrointestinais, os sintomas são diarreia líquida, dor abdominal, febre baixa, náuseas, vômitos, indisposição. Quando a pessoa está com infecção de vias aéreas superiores, nota-se tosse, espirros, obstrução nasal, febre baixa, coriza, mal-estar.

 

7 – Como ocorre o contágio de viroses? 

 

No caso das gastrointestinais e das vias aéreas superiores, o contágio se dá por meio de contato com secreções de pessoas doentes, mãos não higienizadas adequadamente, água e alimentos contaminados.

 

8 – Como é o tratamento de viroses? 

 

Tanto na gastroenterocolite aguda quanto nas infecções de vias aéreas superiores, o tratamento é sintomático. “Devemos tomar antitérmicos, hidratação e dieta leve”, comentou a infectologista Daniela. Em quadros mais intensos, que envolvem, por exemplo, desidratação moderada à grave ou dificuldade respiratória, pode ser necessária internação, como alertou Barbosa.

 

9 - Se tiver virose e não tratar, pode levar a problemas mais sérios? 

 

“No caso de gastroenterocolite aguda e infecções de vias aéreas superiores, o tratamento é sempre sintomático, mas a avaliação clínica é sempre necessária devido à possibilidade de quadros mais graves”, comentou o infectologista Barbosa. Outras viroses, como a infecção pelo HIV e vírus da hepatite C, podem levar a quadros gravíssimos e potencialmente fatais.

 

10 – Soro caseiro é uma boa aposta para viroses?

 

É indicado somente em casos de desidratação leve a moderada, que, após avaliação clínica, se verifique não ser necessária internação para hidratação endovenosa. “É uma boa opção, mas não substitui hidratação com água e sucos”, comentou Daniela. “Não se deve fazer o soro em casa, pois existe o risco de errar a dose de sal e açúcar e superdosar o preparo. A recomendação é que, caso seja indicado, o soro seja requisitado nos postos de saúde e farmácias, que já têm o composto corretamente pronto para uso”, opinou Barbosa.

 

11 – Como prevenir viroses? 

 

Com cuidados simples, como evitar alimentos estragados e vencidos; lavar sempre frutas, verduras e legumes; evitar contato próximo com pessoas com sintomas de infecções de vias aéreas superiores; e lavar sempre as mãos. Nos casos de dengue e chikungunya, por exemplo, é necessário eliminar os criadouros dos mosquitos.

 

12 - Qual é o perigo de contrair viroses na gravidez? 

 

A gastroenterocolite aguda e as infecções de vias aéreas superiores não são problemas graves na gestação, devendo ser tratadas da mesma forma sintomática, como informou Barbosa. “O principal problema é a desidratação. Portanto, sempre deve procurar um médico para realizar os diagnósticos diferenciais e iniciar a terapêutica mais adequada para aquele caso”, completou Daniela. “Existem outras doenças causadas por vírus, como o citomegalovírus ou a rubéola, que podem ser perigosas em termos de malformações e doenças para o recém-nascido. Nesses casos, começando precocemente o pré-natal, o obstetra dará todas as orientações de prevenção”, alertou Barbosa.

 

Portal Terra

 

Leia em: http://www.unesp.br/portal#!/noticia/17560/duvidas-sobre-doencas-causadas-por-virus/

 

ou

 

http://saude.terra.com.br/doencas-e-tratamentos/virose-tire-12-duvidas-sobre-doencas-causadas-por-virus,0b7097674d621cbfdf4c5b3f37c4016boutjRCRD.html

 

Please reload

Tags

Deixe sua sugestão ou recado aqui.

Posts Mais Recentes
Please reload